terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Enxoval de maternidade - Roupinha de saída de maternidade - As cores de acordo com o dia.

Sempre achei mais bonitinho usar roupas de lã ou linha na maternidade do que usar roupinhas de outros materiais. Então, para o meu primeiro filho, e na correria que era o escritório, fiquei mais que feliz quando uma grande amiga me emprestou alguns conjuntinhos, e eu acabei precisando comprar só a saída de maternidade mesmo. E fui à Silmara Bebê, já que todos os outros eram de lá.

Sobre as cores das roupas, as mamães tendem para usar as seguintes cores na maternidade:

1o dia - No primeiro dia costuma-se usar amarelo;
Intermediárias - Azul para menino, rosa para menina ou tons neutros - Pastéis, brancos, nudes, etc;
Saída da maternidade: Usualmente se sai de vermelho, contra o mau olhado... Com o xale da mesma cor.

Nesta gravidez, que estou mais tranquila, tive tempo de pesquisar um pouco mais a fundo e descobri a Lilina Lampréia, uma senhorinha que faz grande parte de seus enxovais integralmente com tricô e crochê à mão. Ela fez para algumas amigas do prédio e também a vi nos blogs mais badalados.

Sua filha, a Tetê, veio em casa com o portfólio em fotos e cores de linha e lã, e confesso que quase não aguentei de tanta "lindeza" junta. Acabei comprando 3 conjuntos completos feitos a mão, inclusive a manta, com as rendas e detalhes que escolhi. E comprei um conjuntinho mais simples feito à máquina. Comprei também as toalhinhas e fraldas de boca, além dos mijões (culotes).

Estou meio atrasada em postar, pois as roupinhas chegaram há mais de mês!

Gente, olhem só que vontade de morder!



Detalhe da roupa vermelha - renda nude.



A amarelinha, roupinha do primeiro dia, é muito especial para mim. O nome da minha bebê (Ana Lúcia) foi escolhido para homenagear minha avó, que faleceu em 2007. A data de nascimento dela prevista pelo ultrassom e pela contagem de semanas é exatamente a data de nascimento dessa minha amada avó, 12 de janeiro. Nada mais justo e abençoado então que a roupinha tivesse a medalhinha que ela nunca tirava do pescoço.


Essa branquinha é feita à máquina, mas ficou linda demais com o detalhe da estampa e pérolas no body...

Deus... E como ficaram lindas! Ma-ra-vi-lho-sas! Entregues antes do prazo, LAVADAS com sabão neutro, dentro do kit de maternidade (separadas por conjunto), cada um acompanhado do lacinho de cabelo combinando, do mijão e das toalinhas.



PS: Bom, o preço... É o mais salgado da história das roupinhas de maternidade... Mas o capricho, os detalhes, a individualização, a qualidade... Nossa, acho difícil alguém bater a Lilina, viu... Ela pensa em cada milímetro.

Contato: Eu falei primeiramente com a Wilma (wilma@lilinalampreia.com.br) e depois marquei com a Tetê, filha da Lilina, em casa. Mas parece que ela atende mais no escritório agora.

Um comentário: