terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Almoço de final de semana - Attimo.

Nesse restaurante sobre o qual escrevo hoje, foi a minha terceira ida. Adorei da primeira vez, fiquei meio reticente da segunda (pedi um peixe com legumes que não acrescentou nada, mas também o erro foi meu de apostar num prato que não segue a linha do restaurante Ítalo-Caipira) e consolidei meu gosto desta vez: adoro!

O Attimo fica na Rua Diogo Jácome, 341, Vila Nova Conceição, e traz comidas ítalo-caipiras nas mãos do chef Jefferson Rueda (ex-Pomodoro). Aliás, eu era fã do Pomodoro e do capelini com frutos do mar, um espetáculo.

Foi oferecido um couvert com mortadela italiana, pururuca, pães, manteiga de azeite e tomate defumado. Ai esse tomate! Uma tentação e, literalmente, tem um sabor de fumaça inesquecível!


Ainda, de entrada, pedimos o quarteto fantástico (risoles de palmito, coxinha de galinha, pastel de queijo e croquete de bochecha de boi), bebericando eu um Cosmopolitan e meu marido uma taça de Terrazas Malbec Reserva.


Dessa vez pedi o Raviolini de Camarões e Lagostins ao molho bisque com champagne
e Tartufo Nero D’Alba | Desde 2001
, que estava muito bom, com cebolas fininhas fritas e azeitona macerada.


O prato do meu marido estava lindo! Não via codeguim em restaurantes… Era "Mezzelune de Leitoa Assada ao molho de lentilhas verdes e codeguim | Desde 2009".



De sobremesa, fui de Pave Romeu e Julieta - creme de catupiry, pão de ló, goiaba em seis texturas 
(fresca, suco, goiabada, goiabada cremosa, sorbet e telha)… Ainda, de surpresa, há umas 3 pimentas rosa perdidas ali no meio.


Bom, a conta… Ficou R$ 340,00 com serviço, água e café.

PS: Recomendo o restaurante, mas também recomendo paciência. O serviço não é dos melhores. Demoram, esqueceram nossos pães no couvert… Mas o ambiente é super clean e gostoso. E a comida, ótima.

Meu único but - não lembro onde li - mas quando o chef fez críticas aos restaurantes de NYC, disse que o Daniel era muito sem emoção (foi um dos melhores franceses que já comi na vida) e que o Per Se era cansativo (bom, para um restaurante de cerca de 1,000 USD a conta, eu iria era ter ficado brava se o serviço não fosse excepcional, com pronto atendimento e em um ambiente extremamente chique e, portanto, bem formal - e que foi o melhor menu degustação que já provei).


Nenhum comentário:

Postar um comentário